Search

Indicação de Caio que solicita aumento no número de correção de provas do Concurso da PC é aprovado


A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou na manhã desta segunda-feira (18/4), a indicação de nº 173/2022, de autoria do vereador Caio André (PSC), que solicita ao Governo do Estado, em conjunto com a Comissão do Concurso Público da Polícia Civil do Amazonas (PCAM) 2022, o aumente do número de correções das redação do certame. Durante a sessão plenária, o vereador Caio André afirmou que, após aprovação, levaria pessoalmente a indicação ao governador do Amazonas, Wilson Lima.


“Meus pares, eu venho discutindo sobre esse assunto há alguns dias e, hoje, nós estamos fazendo essa indicação ao Governo do Estado do Amazonas. Eu já conversei com o titular da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), general Mansur, a respeito da necessidade de aumentar o número de correção das provas de redação do concurso da Polícia Civil do Estado do Amazonas. Após esta aprovação, estarei levando em mãos para o governador do estado ainda no dia de hoje para que nós possamos iniciar essa discussão”, afirmou o vereador Caio André.


Na discussão, Caio André destacou a importância de que seja realizado esse aumento na correção, uma vez que há grande possibilidade de, no fim do certame, por conta das eliminações nas etapas seguintes, haver um número inferior de candidatos às vagas disponíveis.


“Com essa indicação, acredito que em breve tenhamos uma solução para a população e as pessoas que estão participando do certame. A necessidade de aumentar o número de correção, é fato, visto que as etapas pelos quais os pretensos policiais estão realizando há um número muito grande de eliminações, isso faz com que nós possamos, se assim continuar, chegar ao final do certame com um número de aprovados menor que o de vagas que estão sendo oferecidas para os cargos”, explicou.


Para Caio André, o aumento dessas correções assegura a economia de gastos públicos para o governo estadual. “O intuito do governo, da FGV, das pessoas que pleiteiam o concurso, da população do Amazonas, é que seja preenchido o número de vagas e que o governo não tenha que realizar, em um curto espaço de tempo, um novo concurso e tenha mais gastos públicos. O cadastro de reserva já está previsto no edital e agora ele precisa ser completado”, finalizou.


Texto: Assessoria de Comunicação do vereador

Foto: Emerson Olliver – Assessoria de Comunicação do vereador

0 views0 comments